Fernanda Rosito

Dicas para ser mais criativo

Exercitar a mente para ser mais criativo é muito importante em todos os aspectos da vida. Seja profissional ou pessoal, ter um novo olhar traz outra perspectiva e melhores resultados. Confira as dicas:

Note e anote tudo: crie o hábito de anotar tudo que você vê, lê ou venha a lembrar. Tenha sempre à mão lápis, caneta e papel. Jamais confie apenas na memória.

Avalie as anotações: defina um dia da semana e faça uma avaliação em suas anotações. Separe as melhores ideias ou coloque-as em ordem de importância.

Faça um estoque de ideias: arquive de forma simples e de fácil acesso. Procure separá-las por assuntos. Ideias para melhorar sua eficiência, sua qualidade de vida, seu relacionamento com a família e com as pessoas.

Veja e ouça atentamente: aprenda a enxergar nos olhos das pessoas o que elas gostariam de dizer e, ao ouvir, perceba as coisas que não foram ditas.

Ative sua criatividade: veja tudo como se fosse a primeira vez, observe os lugares e as coisas. Fale com o maior número de pessoas, independente da sua classificação social, raça ou religião.

Amplie seu conhecimento: assista filmes (independente da época que foram produzidos), faça viagens, leia livros, conheça novas pessoas, assista transmissões esportivas, musicais, palestras.

Mantenha o cérebro ligado: você tem de estar atento à todas as possibilidades. Numa fração de segundos, uma nova ideia poderá passar a sua frente e a sua mente deve estar aberta para recebê-la.

Seja otimista e positivo: o ser criativo visualiza insistentemente os pontos fortes das coisas. Seja nas relações profissionais, de lazer e familiar. Pensar e agir com otimismo contribui na realização dos objetivos. 

Aproveite e desfrute dos resultados: a criatividade não deve ser entendida como um dom ou algo que só os iluminados possuem. Todo o ser humano possui e pode explorá-la. Basta querer fazer com que as ideias fluam e transformem-se em realizações. Uma vez produzidas, é só usufruir.